Decreto congela salários de prefeito e secretários
Ajustes
Publicado em 18 de janeiro de 2016 - VIA Portal ISSM

Foto: MARCELO FERRÃO
Administração municipal baixa decreto para fazer frente à queda das receitas
Em vigor desde o dia 4 de janeiro, o novo decreto que trata sobre os ajustes na administração municipal, para fazer frente à queda das receitas, congela os salários de prefeito, vice-prefeita, secretários, procurador-geral, subprocurador, controlador-geral, subcontrolador, diretores e chefes de gabinete da Limpec (Limpeza Pública de Camaçari), do ISSM (Instituto de Seguridade Social) e da STT (Superintendência de Trânsito e Transporte). As CETs (Condição Especial de Trabalho) continuam no mesmo patamar estabelecido no decreto anterior, expirado no dia 31 de dezembro, que determinou cortes variados entre 10% e 30%, e agora serão objetos de avaliação por uma comissão especial. Estão proibidas novas concessões. As extensões de carga horária e hora extra também serão suspensas para avaliações. No dia 1º de setembro de 2015, o decreto municipal 6.062 estabeleceu a redução em 20% dos subsídios do prefeito, vice-prefeita, secretários, subsecretários e demais cargos de chefia a redução de 10% a 30% nas CETs em todos os cargos comissionados. A medida foi tomada devido à queda de arrecadação do Município em virtude da crise financeira internacional.



Autor: ascom




Principal Ouvidoria
Instituto de Seguridade do Servidor Municipal: Rua Francisco Drumond, S/N, Centro Administrativo. CEP. 42.800-970
Camaçari - Bahia - Brasil - Tel +55 71 3621-6632
Horário de funcionamento de 08h as 17h
Horário de atendimento de 08h as 16h
© 2010 - Versão: 2.0.0 - Prefeitura Municipal de Camaçari Desenvolvimento - Secad/CCTGI/GEPRO