FESTIVAL DE CULTURA E ARTE
Evento é encerrado com Virada Cultural
Publicado em 29 de outubro de 2013 - VIA Portal ISSM

Foto: Marcelo Ferrão
Frejat elogia Festival de Cultura e Arte de Camaçari

"O Festival de Cultura e Arte de Camaçari deveria ser realizado em diversas cidade do Brasil”, afirmou o cantor Frejat, ao verificar de perto a proposta e a dimensão do evento promovido pela segunda vez no Município e que atraiu cerca de 15 mil pessoas para os shows da Virada Cultural.

As apresentações começaram às 20h e prosseguiram até a madrugada. No entanto, houve diversas atrações desde as 9h da manhã de sábado (26/10), na praça da Simpatia.

O cantor Frejat, atração mais esperada da noite, subiu ao palco pouco mais da meia-noite e levou o público ao delírio com o show O amor é quente. Eclética, a apresentação do vocalista da banda Barão Vermelho misturou canções do último CD e músicas da banda Titãs e dos cantores Gilberto Gil e Tim Maia.

Pela primeira vez em Camaçari, Frejat fez questão de elogiar a iniciativa da Prefeitura de levar diversas expressões culturais para a população e valorizar os artistas da terra. Ele destacou que “é bom fazer parte de ações que promovam e valorizem a cultura”.

A Virada Cultural garantiu espaço ainda para os cantores Paulo Carrilho, Dayna Lins e Adão Negro, além das bandas Canto Samba, Bando Padim Vô e Scambo. 

Filha de Camaçari, a cantora Dayna Lins foi a quarta atração a subir no palco e se emocionou por cantar pela primeira vez para o público do Festival de Cultura e Arte. “É muito gratificante e prazeroso me apresentar para as pessoas da minha cidade e ajudar a difundir a cultura de Camaçari”, frisou.

O cantor Paulo Carrilho também ficou feliz em participar do evento. “O festival é um avanço para a cultura da cidade. Sinto uma grande alegria em apresentar o meu trabalho na cidade em que vivo”, ressaltou.

O casal Christiane Félix e Josenilton Ferreira prestigiou o evento com a filha Luanna da Silva, de 14 anos. Moradores do bairro Gleba B, eles elogiaram a grade de atrações da Virada Cultural, assim como a estrutura montada no local. “A Prefeitura está de parabéns em difundir a cultura local”, disse.

O secretário da Cultura, Vital Vasconcelos, também se sentiu realizado com o II Festival de Cultura e Arte de Camaçari, que atraiu a população do Município e pessoas de cidades vizinhas, especialmente para os shows da Virada Cultural.

Este ano, o festival inovou com a descentralização das atividades, realizadas também nas localidades de Parafuso, Vila de Abrantes, Arembepe e Monte Gordo. Além da programação contar com outros eventos, como o concurso gastronômico, oficinas e cursos.

O vencedor do concurso gastronômico foi o permissionário do quiosque 10, da praça da Simpatia, José Domingos Bispo. Morador do bairro Lama Preta, ele concorreu com o Pão Delikk, que tem um metro de comprimento. “Foi uma surpresa para mim. Estou muito feliz em ter vencido. Agora vou me dedicar ainda mais ao segmento”, frisou.

O II Festival de Cultura e Arte de Camaçari é uma iniciativa executada pela Prefeitura, por meio da Secult (Secretaria da Cultura) e do Conselho Municipal da Cultura, com recursos do Fundo Municipal de Cultura.




Autor:




Principal Ouvidoria
Instituto de Seguridade do Servidor Municipal: Rua Francisco Drumond, S/N, Centro Administrativo. CEP. 42.800-970
Camaçari - Bahia - Brasil - Tel +55 71 3621-6632
Horário de funcionamento de 08h as 17h
Horário de atendimento de 08h as 16h
© 2010 - Versão: 2.0.0 - Prefeitura Municipal de Camaçari Desenvolvimento - Secad/CCTGI/GEPRO